PORTO ALEGRE | Av. Ijuí, 533

Segunda a Sexta das 9h às 19h

Sábado das 9h às 17h

(51) 3321-2559

(51) 3388-6004

(51) 99291-9172

5 erros que devem ser evitados

Todo humano que possui o animal de estimação quer o melhor para ele. Mas assim como pais e filhos, erros acontecem no processo de educação e convivência. Para evitar cometer falhas na criação do seu cachorro, vamos listar cinco erros comuns que acontecem:

Carrapatos

Estes insetos tão pequenos são capazes de fazer um grande estrago na saúde do seu cão e até da sua família. Toda vez que levar seu pet para passear, verifique – ao chegar em casa – se ele trouxe algum carrapato. Remova com cuidado pela cabeça com uma pinça. Doença do carrapato e febre maculosa são duas das doenças que esses insetos transmitem. Busque orientações completas com o veterinário.

Não castrar

Ainda há quem não entenda a importância da castração. O país milhares, talvez milhões de animais abandonados, inclusive de raça, que foram largados à própria sorte porque seu dono cansou de cuidar, mudou ou ficou sem dinheiro. Por isso, é preciso ser responsável e castrar seu pet, seu cachorro ou gato, para evitar o aumento da população que vive nas ruas. Além disso, a castração evita uma série de problemas e doenças para os pets.

Pote cheio

Você não quer que seu animal sinta fome e comete o erro de deixar o pote de comida sempre cheio. O resultado são pets obesos porque comem mais do que devem. Consulte o veterinário para saber a medida certa para não ter que tratar de problemas posteriores pelo excesso de peso.

Falta de atenção

Muitos problemas comportamentais dos animais de estimação são resultantes da falta de atenção recebida. Seu pet precisa de atenção para ter boa saúde e comportamento adequado. Isso requer não apenas a prática de exercícios, mas também as brincadeiras diárias para que se sinta feliz e cansado o suficiente para não estragar móveis ou sapatos, por exemplo.

Falta de regras

Todo animal precisa ser ensino a seguir certas regras, que não devem ser flexibilizadas para não confundir a cabeça deles. Por isso, desde pequeno ou assim que seu pet for morar com você, tenha o cuidado e atenção de adestra-lo corretamente com os comandos mais simples das regras básicas. Se quiser um treinamento mais completo e profissional, procure um bom adestrador.

Acompanhe nas redes sociais

 

Atendimento

PORTO ALEGRE | Av. Ijuí, 533

Segunda a Sexta das 9h às 19h

Sábado das 9h às 17h

(51) 3321-2559

(51) 3388-6004

(51) 99291-9172

 

Cachorraria