PORTO ALEGRE | Av. Ijuí, 533

Segunda a Sexta das 9h às 19h

Sábado das 9h às 17h

(51) 3321-2559

(51) 3388-6004

(51) 99291-9172

Quem tem gato, sabe: os bichanos são animais incríveis. Primeiro, por serem espertos e independentes o bastante para não exigirem muita atenção dos seus donos. Depois, por serem carinhosos e dóceis a eles – ainda que na hora deles. Além disso, os gatos se apegam ao dono, ao contrário do que ‘outros’ dizem. Mas como qualquer animal, os gatos podem acabar tendo problemas de comportamento. Para ajudar a corrigir isso, confira algumas dicas.

Mais comum no inverno e com sintomas semelhantes aos da gripe humana, a traqueobronquite infecciosa canina – ou “Tosse dos Canis” – é também chamada de gripe canina. A doença pode afetar cães de qualquer raça ou idade por meio do ar ou do contato direto com cães doentes.

Método terapêutico da medicina tradicional chinesa, a acupuntura consiste no estímulo de determinados pontos do corpo por meio da inserção de agulhas, aplicação de calor, massagens e técnicas de manipulação e eletroestimulação, ultrassom, injeção de substâncias nos pontos e uso de raio laser. Há milhares de anos ela vem sendo aplicada em pessoas e animais com sucesso.

Veja os conselhos para aumentar o tempo de vida de seu animal de estimação.

 

Idas regulares ao consultório veterinário
Os animais devem ser examinados regularmente por um médico veterinário. Com o auxílio de exames, o médico pode evitar ou identificar precocemente problemas de saúde no seu animal. Portanto, vá regularmente ao consultório veterinário para realizar check-ups no animal.

Como o seu cachorro viaja no carro? O questionamento é válido, pois muitas pessoas ainda levam seus animais de estimação no carro de forma incorreta – soltos sobre os bancos dianteiro ou traseiro; no colo de alguém; sem nenhuma proteção; entre outras formas. Para demonstrar como isso é perigoso aos cães, um teste de colisão de carro foi realizado na Alemanha.

As brincadeiras entre você e o seu animal de estimação podem produzir diversos benefícios a ele. Primeiramente, cães e gatos precisam se exercitar diariamente. Com exercícios, os animais não ganham peso, não se tornam obesos (a obesidade avança significativamente entre cães e gatos; estudos indicam que 1 a cada 3 cães e 3 a cada 10 gatos são obesos) e se mantêm saudáveis. Além disso, as brincadeiras e a interação com os donos deixam os animais mais dóceis, sociáveis e obedientes.

Como muitas pessoas desejam que um gato se comporte como um cachorro – ou o contrário –, é necessário deixar bem claro desde já: o cachorro é diferente do gato. E o gato é diferente do cachorro. Embora sejam animais domésticos, são animais de espécies diferentes e, sendo assim, possuem comportamentos distintos.

Acompanhe nas redes sociais

 

Atendimento

PORTO ALEGRE | Av. Ijuí, 533

Segunda a Sexta das 9h às 19h

Sábado das 9h às 17h

(51) 3321-2559

(51) 3388-6004

(51) 9291-9172

Cachorraria